Administrador do condomínio: tudo o que precisa de saber

Artigo do blog | Escrito por Gaiacasas

  set 16, 2021 | Tempo de leitura 2m

O que é a administração do condominio

apoio ao arrendamento

Quais as funções e deveres? Quem pode ser eleito? Saiba tudo sobre o papel do administrador do condomínio

O administrador do condomínio é a figura executiva do mesmo e, como tal, compete-lhe zelar pela correta manutenção do edifícios, bem como cumprir com as decisões tomadas em Assembleia de Condóminos – e que poderão ser não muito pacíficas.

É, como tal, uma figura indispensável em qualquer edifício, mas nem sempre é fácil de encontrar quem queira exercer este papel, principalmente ao tempo e responsabilidades que lhe são associadas.

“Se é o caso, então, por que não haver mais do que um administrador ou até entregar a gestão a uma empresa?
Fique atento para saber mais sobre o assunto."

deco


Quem pode ser administrador de condomínio?

Normalmente, o administrador de condomínio é eleito em Assembleia de Condóminos pelos mesmos, isto é os proprietários, ou seus representantes legais. Conheça as diferentes formas de eleger uma administração:

Eleição

Esta é a forma mais comum. saiba que valem os votos da maioria, pelo que deverá existir a unanimidade necessária para eleger o administrador do condomínio que fica em funções, geralmente, um ano, salvo disposição em contrário no regulamento ou por deliberação da assembleia.

Nomeação sucessiva

Como nem sempre há candidatos, o primeiro mandato pode ser exercido pelo proprietário da fração A, o segundo pelo da B e assim sucessivamente.

Pagar pela administração

Se ainda assim ninguém quiser ser o devido responsável pode-se ponderar a criação de incentivos para quem desempenha o cargo, como, por exemplo, atribuir um salário ao administrador.

Recorrer a uma empresa

Atualmente existem inúmeras empresas que se dedicam a esta atividade, cobrando um valor mensal.

Nomeação pelo tribunal

Se não houver consenso, qualquer condómino pode pedir ao tribunal para nomear o administrador. Entretanto, as funções são desempenhadas a título provisório pelo proprietário com maior permilagem ou por ordem alfabética da fração, em caso de empate.

Quais as funções do administrador de condomínio?

Quem exerce este cargo pode não ter uma vida muito fácil. Conheça as principais responsabilidades:

  • Convocar a assembleia de condóminos;
  • Elaborar os orçamentos anuais de receitas e despesas;
  • Cobrar as receitas e efectuar as despesas comuns;
  • Exigir dos condóminos a sua quota-parte nas despesas aprovadas pela assembleia;
  • Prestar contas à assembleia;
  • Realizar atos conservatórios dos direitos relativos aos bens comuns;
  • Regular o uso das coisas comuns e a prestação dos serviços de interesse comum;
  • Efetuar e manter o seguro do edifício contra o risco de incêndio;
  • Executar as deliberações da assembleia;
  • Representar o conjunto dos condóminos perante as autoridades administrativas;
  • Assegurar a execução do regulamento e das disposições legais e
    administrativas relativas ao condomínio;
  • Guardar e manter todos os documentos que digam respeito ao condomínio.
  • Convocar a assembleia dos condóminos e elaborar a respetiva ata.

E se optar por uma empresa?

A atividade das empresas de gestão de condomínio teve um aumento gigantesco nos últimos anos, pelo que não é difícil encontrá-las. Porém, dada a elevada responsabilidade, o melhor é conversar com amigos e familiares, para obter diferentes opiniões.

Deve também receber diferentes orçamentos e o que os mesmos incluem nas tarefas da empresa. Por exemplo: a avença de uma empresa pode já incluir os materiais e equipa de limpeza e de outras empresas não. E tudo isto tem impacto nas contas e merece ser considerado.

Além disso, deve limitar os poderes da empresa no contrato e em assembleia, nomeadamente reservar o direito de veto do condomínio em decisões importantes, como seguros e obras.

Os cheques e a autorização de débitos em conta devem ter a assinatura de um condómino designado pela assembleia, pelo menos.

E, para tal, isto significa nomear um administrador residente para acompanhar a empresa, o que permite não só evitar surpresas desagradáveis, como descansar todos os vizinhos.





apoios no imobiliário

"Quanto mais distante o administrador do administrado, menos eficiente a administração" – Phillip Crosby - Empresário

A tecnologia está sempre a evoluir e o ramo imobiliário está em constante mudança.
Queremos garantir que estamos bem posicionados para trabalhar no limiar desta indústria de uma forma significativa para que não nos falte um passo na entrega do melhor produto aos nossos cliente.

SEMPRE A PENSAR EM SI
sempre a pensar em si



Leia mais artigos em Destaque

Marketing

Marketing Digital Imobiliário: X dicas infalíveis

Marketing imobiliário

Quero ler este artigo
Distrate bancário

Tudo o que precisa de saber sobre o distrate de hipoteca

O que é o Distrate?

Quero ler este artigo
Tralha

Está na hora de destralhar a casa: conheça as melhores dicas

Como acabar com as tralhas na casa

Quero ler este artigo
Tons

Tons neutros na decoração: sim ou não?

Descubra tudo sobre os tons neutros

Quero ler este artigo
Sala

Tem uma sala pequena? Conheça os truques para a fazer parecer maior

Transforme a sala da sua casa

Quero ler este artigo
Condominio

Vantagens de comprar uma casa num condomínio privado

Vejas as vantagens de comprar casa

Quero ler este artigo

Tem dúvidas?

Normalmente há sempre muitas dúvidas na hora de comprar casa.
Nós somos profissionais imobiliários prontos para ajudar a encontrar um imóvel adequado às suas necessidades e
dar-lhe a melhor informação para a ajudar a decidir.

Sinta-se à vontade para colocar qualquer questão

Quero perguntar