Mercado imobiliário português na mira dos investidores estrangeiros

📘  Artigo escrito por Gaiacasas

  mar 31, 2022 | Tempo de leitura 2,15 seg

Mercado imobiliário



mercado imobiliario pos guerra

Com a recente situação de guerra entre a Rússia e a Ucrânia, o mercado imobiliário está a ser afetado, como qualquer outro setor na Europa.

Saiba o que isso pode significar para Portugal.

Na sequência da guerra entre a Rússia e a Ucrânia, o investimento estrangeiro nos países de leste tem vindo a sofrer alguma paragem.

Segundo um estudo da consultora espanhola Auxadi, intitulado “El futuro del sector del real estate en España” (em português, “O futuro do setor imobiliário em Espanha”), os fundos imobiliários estão a desviar o interesse em operações na Europa de Leste.

Por sua vez, este interesse está a ser direcionado para países que poderão, a curto prazo, beneficiar da paragem do investimento em países de Leste. Espanha, Portugal, França e a região da América Latina, poderão estar agora na mira dos investidores estrangeiros.

Víctor Salamanca, CEO da Auxadi, adianta que, apesar de ser ainda muito cedo para tirar conclusões, -

“Muitas das operações que estavam em andamento nas zonas mais próximas do conflito, como Polónia, Hungria, Eslováquia ou República Checa, estão paralisadas."


imobiliario virada para investidores




Este fator, junto com o grande volume de liquidez que existe no mercado, faz com que os fundos continuem a necessitar de investir.

Dessa forma, é expectável que os fluxos de investimento se direcionem agora a países menos expostos a possíveis consequências dos conflitos, como é o caso dos países já mencionados.


Do mesmo estudo da Auxadi, conclui-se que a Europa é, a médio prazo, o destino favorito dos investidores de fundos imobiliários, com 82% dos gestores a considerar provável ou muito provável investir nesse destino dentro de cinco anos.

Perspetivas de recuperação – quando e em que segmentos?

Os gestores consultados pela Auxadi, na sua maioria (78%), acreditam que o mercado imobiliário europeu irá recuperar nos próximos anos.

Destes 78%, 32% esperam que a recuperação se dê já este ano (2022), ao passo que 46% sugere 2023 como o ano da recuperação.

O segmento de logística e industrial é apontado como sendo o que mais rapidamente verá sinais de recuperação, sendo depois seguido a curto prazo pelo retalho e pelo segmento hoteleiro.

Com uma expetativa de recuperação ligeiramente mais lenta está o segmento residencial e, por último, os centros comerciais.

A importância da sustentabilidade na recuperação do mercado imobiliário

De especial preocupação é a questão da sustentabilidade e dos critérios ESG (Environmental Social and Governance).

A maioria, (72%), dos gestores que participou no estudo da Auxadi, prevê um aumento significativo da procura por ativos que integrem e respeitem os critérios relacionados com a questão da sustentabilidade.





imobiliario volta a sorrir

"Às vezes os problemas são sinais de que chegou a hora de o guerreiro iniciar uma nova batalha. - Roberto Shinyashiki - Empresário


copywriter
Gaiacasas

Somos uma equipa apaixonada e motivada com o objetivo de criar uma experiência ímpar a quem compra, vende ou aluga casas. Já são 16 anos a contribuir com dedicação e profissionalismo no sector imobiliário e adoramos partilhar todo o nosso conhecimento com o público em geral.



Obrigado pelo vosso apoio!

A entregar os melhores artigos imobiliários



newsletter

Subscreva a nossa Newsletter

Receba os artigos no seu email semanalmente



Leia mais artigos em Destaque

Bolor em casa

Como evitar ter bolor em casa?

Bolor em casa

Quero ler este artigo
 Casal a comprar casa em Aveiro

Comprar casa em Aveiro – é um bom investimento?

Comprar casa em Aveiro

Quero ler este artigo
Casal a limpar a casa

Como incluir os filhos na limpeza da casa

Limpeza da casa com os filhos

Quero ler este artigo
Suspensão de vistos gold

Suspensão de vistos gold a cidadãos russos

Suspensão de vistos gold

Quero ler este artigo
Horta no apartamento

Dicas para quem quer ter uma horta num apartamento

Horta no apartamento

Quero ler este artigo
Jardim de inverno

Jardim de inverno em casa: como fazer um

Jardim de inverno

Quero ler este artigo
La Redoute

Sabia que a La Redoute abriu uma loja no porto?

A La Redoute já abriu

Quero ler este artigo
Escritura

Escritura de imóvel: o que precisa e quanto vai gastar?

Saiba os documentos que necessita

Quero ler este artigo
Decorar a casa

Dicas como decorar as paredes para dar mais vida à sua casa

Dê boas energias à sua casa

Quero ler este artigo

A tecnologia está sempre a evoluir e o ramo imobiliário está em constante mudança.
Queremos garantir que estamos bem posicionados para trabalhar no limiar desta indústria de uma forma significativa para que não nos falte um passo na entrega do melhor produto aos nossos cliente.

SEMPRE A PENSAR EM SI
sempre a pensar em si